Filme: Estrelas além do tempo, foto 1

Estrelas além do tempo: comovente história de superação de racismo

De em março 7, 2017

Filme: Estrelas além do tempo, foto 1

Janelle Monáe, Taraji P. Henson e Octavia Spencer interpretam as funcionárias da NASA Mary Jackson, Katherine Jonhson e Doroty Vaughn

Se em 2016 a Academia de Artes e Ciências Cinematográficas dos EUA, responsável pela premiação do Oscar, foi duramente criticada por não incluir atores negros na lista de indicados aos prêmios, neste ano a instituição se redimiu. Não só houve diversos atores negros indicados, como muitos deles foram merecidamente premiados. Vários filmes também denunciam a discriminação racial e a luta contra o preconceito.
É o caso do filme Estrelas além do tempo, do diretor Theodore Melfi, baseado na obra de Margot Lee Shetterly, que relata a história real de três mulheres negras que em 1961, para conseguirem se estabelecer na NASA (agência espacial norte-americana), precisaram lutar para romper as barreiras da discriminação racial e de gênero.

Filme: Estrelas além do tempo, foto 2

Trama é baseada na história real de Doroty, Katherine e Mary

Com três indicações ao Oscar/17 (filme, atriz coadjuvante e roteiro adaptado), o filme se passa em plena guerra fria, em que russos e americanos mediam forças,  inclusive nas conquistas científicas e espaciais. Além desta disputa, a sociedade norte-americana também vivia uma grave cisão entre brancos e negros. E na NASA não era diferente: havia departamentos com clara segregação racial. E é neste ambiente hostil que trabalhavam Doroty Vaughn, Katherine Jonhson e Mary Jackson, interpretadas por Octavia Spencer, Taraji P. Henson e Janelle Monáe respectivamente. Às três amigas, não bastava serem competentes, elas precisavam provar a todo o instante que eram capazes e preparadas. E o pior, tinham de submeter a cenas degradantes, como a de ter de caminhar distâncias enormes para poderem ir ao banheiro (exclusivo para negros).
Tendo como pano de fundo o momento histórico da conquista espacial, o roteiro, assinado pelo diretor e por Allison Schroeder, foca a história de superação das três mulheres dentro da NASA. Katherine, por ser especialista de cálculos e matemática aeroespacial, é convocada a trabalhar no departamento chefiado por Al Harrison, interpretado por Kevin Costner, que desenvolvia as viagens espaciais. Doroty era chefe do departamento só de mulheres negras que trabalhavam com cálculos matemáticos e Mary, além da NASA, queria se tornar engenheira. Além de mostrar o lado profissional das três mulheres, a trama também revela a vida pessoal delas, como os momentos com os filhos e familiares, os cultos na igreja e as festas da congregação negra onde viviam.

Filme: Estrelas além do tempo, foto 3

Kevin Costner vive Al Harrison, um dos responsáveis pelas pesquisas espaciais na NASA

No entanto, o que sobressai e comove os espectadores é justamente a forma como cada uma das três protagonistas da trama consegue suplantar as enormes dificuldades impostas por uma sociedade machista e extremamente preconceituosa. O papel de Katherine Jonhson (com sua exatidão nos cálculos aeroespaciais) para o avanço da ciência foi reconhecido; Doroty Vaughn se tornou a primeira negra a chefiar um departamento na NASA e Mary Jackson conseguiu se graduar em engenharia e se tornou engenheira aeroespacial da NASA. No final do filme, há um breve resumo da carreira destas três mulheres vencedoras e guerreiras. Filme com temática forte, a do racismo, que infelizmente ainda perdura e é preciso que seja sempre combatido.

 

Fotos: divulgação


4 Comentários

Flavio

março 8, 2017 @ 15:12

Resposta

Brilhante relato, me fez reviver as enas deste filme emocionante e enriquecedor!

Maurício Mellone

março 9, 2017 @ 11:51

Resposta

Flávio,
q ótimo q vc gostou do q escrevi sobre o filme
q vc me indicou!
Obrigado pela visita e volte sempre!
bjs

Adriana Bifulco

março 7, 2017 @ 22:06

Resposta

Ma, querido, o filme, com certeza é emocionante!! Uma história de superação!!
Vou assistir, com certeza. Fui incentivada pelo seu texto perfeito.
Beijo e obrigada pela excelente dica!!

Maurício Mellone

março 8, 2017 @ 11:54

Resposta

Adriana,
vá mesmo conferir o filme sobre a história
das três negras que conseguiram superar as
barreiras do preconceito e discriminação dentro
da NASA, em plena era da guerra fria.
Depois volte para dizer o q achou da trama.
Obrigado pelos elogios e pela visita!
bjs

Deixe comentário

Deixe uma resposta para Flavio Ou cancelar resposta

Deixe uma sugestão





Deixe uma sugestão

Indique um evento





Indique um evento