Filme: Mostra Internacional de Cinema de São Paulo- Foco Suíça, foto 1

Mostra Internacional de Cinema de São Paulo: homenagem à Suíça

De em outubro 24, 2017

Filme: Mostra Internacional de Cinema de São Paulo- Foco Suíça, foto 1

Foco Suíça: 25 títulos exibidos durante a Mostra, além de retrospectivas

Já há alguns anos a Mostra Internacional de Cinema de São Paulo apresenta um panorama da produção cinematográfica de um determinado país. Desta vez a Mostra, em parceria com a Swiss Films, em Foco Suíça traz 25 títulos, entre documentários, longas e curtas-metragens, além de duas homenagens, uma ao diretor Alain Tanner com uma retrospectiva com oito de seus longas-metragens e a outra ao diretor Georges Schwizgebel, com sete de seus curtas-metragens. O aclamado diretor Jean-Luc Godard também recebe uma homenagem, com a exibição de Ascensão e queda de uma pequena produtora de cinema, produzido especialmente para TV em 1986.

Filmes: Mostra Internacional de Cinema- Foco Suíça, foto 2

Ascensão e queda de uma pequena produtora de cinema, de Godard

A grande maioria dos filmes suíços presentes ao evento é de documentários, com destaque para a questão social e a forte corrente migratória da Europa dos dias atuais. É ao caso de Bem-vindo à Suíça de Sabine Gisiger e Eu sou a gentrificação: confissões de um canalha, de Thomas Haemmerli. Contribuindo para outra tendência da Mostra deste ano — a forte presença das mulheres na direção — a Suíça traz diversas diretoras ao evento, como Maryam Goormaghtigh (Antes que o verão acabe), Alice Schmid (A garota do Lago Änzie), Lisa Brühlmann (Blue my mind), Elene Naveriani (Eu sou uma verdadeira gota de sol na Terra) entre outras.

 

Filme: Mostra Internacional de Cinema de São Paulo - Foco Suíça, foto 3

Mulheres Divinas de Petra Volpe

Destaque ainda para o filme Mulheres Divinas, de Petra Volpe, representante suíço a uma das cinco vagas de produção estrangeira do Oscar/2018. Na retrospectiva Alain Tanner serão exibidos os longas-metragens Na cidade branca/1982, Amantes no meio do mundo/1974, Jonas e Lila até amanhã/1999, Jonas que terá vinte e cindo anos no ano 2000/1976, Messidor/ 1978, A anos-luz/1981 e A salamandra/1971. Já dos curtas-metragens de Georges Schwizgebel, estão no evento as animações Erlking/2015, Retoques/2008, A menina e as nuvens/2000, O ano do cervo/1995, 78 voltas/1985, Impedimento/1977 e O voo de Ícaro/1974.
 

Filme: Mostra Internacional de Cinema de São Paulo -Foco Suíça, foto 4

Na cidade-branca de Alain Tanner

 

Serviço:
41ª Mostra Internacional de Cinema de São Paulo, de 19 de outubro a 1º de novembro, em mais de 30 locais. Informações: www.mostra.org

 

Fotos: divulgação


2 Comentários

Célia Gambini

novembro 1, 2017 @ 16:27

Resposta

Querido Mauricio Mellone,

Favo do Mellone, sempre com excelentes dicas de cultura em São Paulo!

Abraços,

Célia Gambini

Maurício Mellone

novembro 3, 2017 @ 12:30

Resposta

Célia,
muito obrigado, pelos elogios e pela visita!
Volte sempre
bjs

Deixe comentário

Deixe uma sugestão





Deixe uma sugestão

Indique um evento





Indique um evento