Peça: Vidros Arriados, foto 1

Vidros Arriados: comédia romântica sobre o encontro de dois homens

De em maio 31, 2018

Peça: Vidros Arriados, foto 1

Antonio Ranieri e Rogério Mendes protagonizam a trama sobre o amor entre Luiz e Mario

Num momento tão conturbado em que vivemos, em que a violência, a intolerância e o preconceito ainda prevalecem — o Brasil é o país que mais mata pessoas da comunidade LGBT —, nada melhor do que responder com AMOR, respeito e dignidade. Esta a proposta da peça de Antonio Ranieri, Vidros Arriados, em cartaz quartas e quintas no Espaço Parlapatões e com direção de Marcio Macena, em que dois homens, interpretados pelo próprio Ranieri e por Rogério Mendes, de vidas e temperamentos opostos se encontram e vivenciam todas as etapas de uma relação amorosa.

A troca de olhares, a ligeira paquera, o primeiro encontro, o afastamento, a ansiedade da espera, o reencontro, o ciúme, a traição, a separação e finalmente a entrega ao verdadeiro sentimento que une as pessoas, o amor. Tudo isso, que faz parte da maioria das relações entre dois amantes, é experimentado pelos dois rapazes.

Peça: Vidros Arriados, foto 2

Trama mostra todas as etapas de uma relação amorosa

 

 

 

 

Com sutileza e extrema delicadeza que o encontro entre Luiz (Ranieri) e Mario (Mendes) é apresentado na montagem. Primeiramente, o público é recebido na entrada da sala pelos dois atores, que fazem questão de cumprimentar um a um todos os espectadores. E a direção optou por dispor os dois personagens em lados opostos do palco: como eles têm experiências de vida muito diferentes — Luiz é gay e não tem problema com sua sexualidade enquanto Mario é heterossexual, casado, insatisfeito e preso a modelos tradicionais — a história é narrada alternadamente, com cada um revelando a sua versão. Até o primeiro encontro, numa festa de fim de ano na empresa em que trabalham, os personagens narram a mesma situação cada um do seu ponto de vista e no seu espaço físico do palco. A partir do primeiro e tórrido encontro deles, o espectador passa a descobrir a dificuldade de Mario em assumir seus desejos e sentimentos, ao mesmo tempo em que Luiz se frustra com a impossibilidade de realizar uma vida plena ao lado de quem ama. O encontro e o desencontro entre os dois são divididos com a plateia, que se torna cúmplice daquela relação.

 

 

 

 

 

“Não pretendo levantar bandeiras com essa encenação, mas brincar com os clichês da comédia romântica, falar dos estereótipos e do amor entre duas pessoas. O amor nos dias de hoje é mais do que um sentimento, é um ato político e de resistência. Meu discurso/antídoto a toda tristeza que nos assola é o amor. E o seu, qual é”, questiona Antonio Ranieri.

 

Além da história singela e bem articulada, o destaque de Vidros Arriados é a sintonia entre direção e equipe técnica: tanto a luz de Cesar Pivetti e Vânia Jaconis como a trilha sonora de Pietro Leal são elementos essenciais para a narrativa e o desempenho dos atores em cena. O cenário, de poucos elementos e assinado pelo diretor, também corrobora para a condução da trama.

 

Peça: Vidros Arriados, foto 3

Delicadeza na condução da história de amor

Roteiro:
Vidros Arriados. Dramaturgia: Antonio Ranieri. Direção, cenário e direção de arte: Marcio Macena. Elenco: Antonio Ranieri e Rogério Mendes. Trilha sonora: Pietro Leal. Assistência de direção: Rodrigo Risone. Figurino: Marcio Macena. Iluminação: Cesar Pivetti e Vânia Jaconis. Fotografia: Caio Oivedo. Produção Executiva: Elder Sereni e Verônica Bondezan. Direção de produção: Antonio Ranieri. Realização: AR Produção Artísticas e A Minha Cia.
Serviço:
Espaço Parlapatões (100 lugares), Pr. Franklin Roosevelt, 158, tel. 11 3258-4449. Horários: quarta e quinta às 21h. Ingressos: R$ 40. Bilheteria: terça a quinta das 16h às 21h; sexta e sábado das 16h a meia-noite e domingo das 16h às 20h. Vendas: www.compreingressos.com.br. Duração: 70 min. Classificação: 14 anos. Temporada: até 28 de Junho.

Site Aplauso Brasil, especializado em Teatro
Site Aplauso Brasil, especializado em Teatro
Favo do Mellone

Deixe comentário

Deixe uma sugestão

Deixe uma sugestão

Indique um evento

Indique um evento

Para sabermos que você não é um robô, responda a pergunta abaixo: