Filme: O Menino e o Mundo, foto 1

O Menino e o Mundo: filme de animação brasileiro para todas as idades

De em janeiro 29, 2014

Filme: O Menino e o Mundo, foto 1

Alê Abreu assina roteiro, direção e montagem deste filme de animação

Sem qualquer palavra — as poucas pronunciadas são ditas de trás para frente, com a intenção de serem ininteligíveis —, o filme de animação O Menino e o Mundo encanta e emociona a plateia de todas as idades. Com roteiro, direção e montagem de Alê Abreu, a história é sobre o drama de um menino que, sentindo muita falta do pai, resolve abandonar a aldeia para procurá-lo pelo mundo. Com dificuldade para sustentar a família, o pai saiu em busca de melhores condições de vida para todos.
As aventuras começam logo que o menino deixa o ambiente caseiro: tudo é novo, estranho e desperta cada vez mais a curiosidade dele. De forma lúdica, ele acompanha todo o processo produtivo do capitalismo: passa pela lavoura de algodão, a colheita, o transporte da matéria prima para a indústria têxtil até chegar à confecção do tecido e a industrialização das roupas. Neste percurso, ele encontra amigos, perigos e vê a realidade de maneira crua, sem qualquer filtro.

Filme: O Menino e o Mundo, foto 2

Sem palavras, as cores vibrantes são o grande destaque da produção

O grande atrativo do filme são as cores vibrantes e a música: o menino viaja tendo em mente a canção que o pai tocava na flauta (ele caminha seguindo notas musicais coloridas). A trilha sonora, composta especialmente para o filme por Gustavo Kurlat e Ruben Feffer, conta ainda com a participação de Naná Vasconcelos, do GEM – Grupo Experimental de Música e do grupo Barbatuque, além de Emicida que compôs o rap Aos olhos de uma criança, que finaliza o filme.
A chegada do garoto na cidade grande é um misto de sensações; ele se encanta, mas ao mesmo tempo se assusta com a movimentação das pessoas, os meios de transporte (ônibus, trem, metrô, avião) e as diferenças sociais (os grandes edifícios residenciais e os barracos na periferia). Sua volta para a aldeia também chama a atenção: ele vê o lado selvagem da sociedade contemporânea, com a exploração da mão de obra, o consumo exagerado e a destruição da Natureza. A animação neste momento faz um corte e introduz imagens reais do desmatamento desordenado que tanto nos agride.

Filme: O Menino e o Mundo, foto 3

O filme foi premiado nos festivais de Havana, Ottawa e do Rio, além da Mostra de São Paulo/13

 

Entrei na sala de exibição despretensiosamente e saí emocionado, com tanta delicadeza e profundidade da proposta estética de Alê Abreu. Merecidamente O Menino e o Mundo foi premiado no Festival Internacional de Havana (melhor filme de animação), no Festival Internacional de Animação de Ottawa/Canadá (menção especial do júri), além do Prêmio Juventude da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo/2013 e da Menção Honrosa do Festival do Rio Novos Rumos/2013.

 

Imperdível! Um filme de animação que já tem lugar especial na história da cinematografia brasileira.

 

 

Fotos: divulgação

 

Marcos Zaccharias Publicitário
Site Aplauso Brasil, especializado em Teatro
Tório 2

Deixe comentário

Deixe uma sugestão

Deixe uma sugestão

Indique um evento

Indique um evento

Para sabermos que você não é um robô, responda a pergunta abaixo: