RSS FACEBOOK TWITTER

Hoje, filme de Tata Amaral, traz Denise Fraga como ex-militante política


Filme: Hoje, com Denise Fraga, foto 1

Com este trabalho, Denise Fraga venceu o prêmio de melhor atriz do Festival de Brasília/2011

Hoje, filme de Tata Amaral, rediscute um período tortuoso da história do Brasil, a ditadura militar, que durou mais de 20 anos, de 1964 a 1985. Tendo como base o livro Prova Contrária de Fernando Bonassi, o roteiro — assinado por Jean-Claude Bernardet, Rubens Rewald e Felipe Sholl — concentra as ações num único cenário, um apartamento no centro da cidade de São Paulo. É que Vera, interpretada com vigor e brilho por Denise Fraga, acaba de comprar o imóvel, fruto de uma indenização do governo federal pelo reconhecimento da morte de Luiz, seu marido, vivido pelo ator uruguaio Cesar Troncoso, um ex-militante que desapareceu naquela época de intensas lutas políticas. O inusitado da trama é que no dia da mudança para o velho-novo apartamento, Vera é surpreendida com a volta de Luiz. Os fantasmas do passado estão de volta e o casal é obrigado a redirecionar suas vidas.

Filme: Hoje, de Tata Amaral, foto 2

Vera (Denise) e Luiz (Cesar Troncoso) são obrigados a lidar com fantasmas do passado

 

A alegria de Vera dura pouco: Hoje começa com a nova moradora abrindo seu apartamento e em seguida os homens da mudança começam a descarregar caixas e móveis. A síndica é a primeira a tocar a campainha e durante esta pequena conversa, Vera leva o maior susto: vê Luiz prostrado na sala de visita. Ela logo se livra da intrometida vizinha e vai ao encontro daquele que até então parecia um fantasma. Mulher de poucas palavras, Vera tenta se esquivar das perguntas do marido, mas logo a verdade vem à tona; Luiz encontra o recibo da indenização e um exemplar do Diário Oficial com a lei que regula a vida dos considerados desaparecidos e entende tudo o que está acontecendo.
Mais do que resolverem o dilema criado com o aparecimento do ex-militante, o casal é obrigado a lidar com o passado: fantasmas e horrores da ditadura voltam à baila, como tortura, fuga, clandestinidade, ações de guerrilha, traição, dor e morte. Cada um a seu modo revive todo aquele horror e Vera não abre mão de se reinventar e criar sua nova trajetória de vida.
Mesmo com o filme sendo rodado praticamente só no apartamento, a diretora Tata Amaral usa de recursos que dão à trama movimento e ação: a cena em que Vera descreve suas noites de insônia é belíssima, com janela se transformando numa grande tela em que imagens são projetadas. Matéria de jornais e poemas também são projetados no apartamento enquanto eles buscam o entendimento, o que deixa as cenas ainda mais contundentes.

Filme: Hoje, foto 3

Cartaz do filme dirigido por Tata Amaral

 

 

Hoje saiu do Festival de Brasília/2011 como o grande vencedor, faturou cinco prêmios: atriz, roteiro, fotografia, direção de arte e melhor filme pela crítica. Denise Fraga sem dúvida é o grande destaque do filme: imprime verdade para aquela mulher sofrida; com poucas palavras, revela a densidade e as mil facetas de uma personagem tão intensa. Um dos grandes momentos de sua carreira!


Fotos: divulgação

, , , ,

Maurício Mellone

Como jornalista — tendo atuado em rádio, TV, jornal, revistas e assessoria de imprensa —, a palavra sempre foi minha matéria prima. No entanto, desde 2000 venho cultivando o plano B, ou seja, mantenho no meu velho PC um arquivo com meus escritos, que na verdade já era um pré-blog. Lá, deixo fluir a imaginação para que a linguagem inclusive ganhe novos contornos.


Ver todos os posts de Maurício Mellone »

2 Comentários para “Hoje, filme de Tata Amaral, traz Denise Fraga como ex-militante política”

  1. aline Says:

    Deve ser um filme e tanto! Confesso que estou curiosa, pela história e pra ver Denise num papel dramático.bjus

    responder

    • Maurício Mellone Says:

      Aline:
      Não perca o ‘Hoje’: o tema (anos 60 e ditadura militar no BR)
      é seu agrado (já leu tudo a respeito!) e a atuação da Denise
      é sublime! Depois me conte o q achou do filme da Tata Amaral.
      bjs

      responder

Deixe uma resposta